Estágios

Estágios Emprego

O que é

Estágio remunerado, com duração de 9 meses, em todos os setores de atividade, com vista a melhorar a tua transição para o mercado de trabalho. Nalguns casos, os estágios podem ser de 12 meses.

Para quem

Podes fazer um Estágio Emprego se tens entre 18 e 30 anos e se nunca fizeste um outro estágio apoiado pelo Estado. Terás de estar inscrito no IEFP.

Como funciona

As candidaturas são feitas pelas empresas, associações e instituições sociais, que são as entidades empregadoras onde podes fazer estes estágios.

Estas entidades podem pedir um perfil profissional que será selecionado de entre os jovens inscritos no IEFP ou, em alternativa, podem identificar na candidatura quais os jovens com quem pretendem colaborar

Se te identificarem é positivo, pois é sinal que foste proactivo em relação ao mercado de trabalho e criaste a oportunidade que te vão dar.

Assim, caso encontres uma oportunidade, podes referir à entidade empregadora que estás qualificado a participar nestes estágios.

Para além disto, os estágios também permitem o acesso a profissões regulamentadas pelas Ordens Profissionais.

Quais são os teus apoios

  • Bolsa mensal de estágio:
    • 691,71€ para o estagiário com qualificação de nível 6, a 8 do QNQ*
    • 586,91€ para o estagiário com qualificação de nível 5 do QNQ
    • 544,99€ para o estagiário com qualificação de nível 4 do QNQ
    • 503,06€ para o estagiário com qualificação de nível 3 do QNQ
    • 419,22€ para os restantes casos
  • Subsídio de alimentação
  • Seguro de acidentes de trabalho
  • Despesas de transporte, dos estagiários com deficiência e incapacidade, entre outras situações previstas na legislação.

*consulta aqui o Quadro Nacional Qualificações

Vantagens das entidades promotoras

  • Comparticipação pelo IEFP na bolsa do estágio em 80% para:
    • Entidades coletivas privadas sem fins lucrativos, e para estágios reconhecidas pelo IEFP como de interesse estratégico.
    • O primeiro estagiário das entidades com menos de 10 trabalhadores (desde que não tenha obtido já condições mais favoráveis em anterior estágio pelo IEFP)
  • Comparticipação pelo IEFP na bolsa do estágio em 65% para os restantes casos.
  • Comparticipação do subsídio de alimentação, e prémio de seguro
  • Comparticipação ainda, de despesas de transporte, dos estagiários com deficiência e incapacidade, entre outros casos

As entidades têm de reunir alguns requisitos como, por exemplo, não ter dívidas às Finanças ou Segurança Social.

Candidatura

As candidaturas deverão ser efetuadas pelas entidades promotoras acima referidas aqui e podem identificar-te na candidatura, caso reúnas os requisitos.

Se a entidade empregadora com quem falares quiser saber mais, clica aqui.

Inov contacto

O que é

Começa a tua carreira com um estágio internacional numa grande empresa. Constrói a tua rede de conhecimento e capitaliza as melhores práticas de gestão em ambiente internacional.

Para quem

Tens até 29 anos de idade, inclusive, à data de candidatura? És detentor no mínimo de um diploma de Licenciatura / Mestrado integrado devidamente reconhecido? Falas, fluentemente, mais do que um idioma estrangeiro? Então podes candidatar-te.

Como funciona

O Programa, com duração global entre 6 a 9 meses, é composto por três fases:

  • Fase 1 - Curso de Práticas Internacionais, podendo incluir um período de formação em contexto real de trabalho, designado por Estágio em Portugal.

    O Curso de Práticas Internacionais constitui uma Formação académica e técnica ministrada em sala, em regime intensivo.

  • Fase 2 - Estágio no Estrangeiro.

    Através de um estágio remunerado, os formandos são preparados para a vida ativa e, simultaneamente, atualizam uma rede de contactos e conhecimentos nos mercados internacionais.

  • Fase 3 - Seminário de encerramento e apoio à integração.

Quais são os teus apoios

A AICEP Portugal Global, como entidade responsável pelo programa, atribui aos estagiários selecionados:

- Uma bolsa mensal equivalente a 838,44€, desde o primeiro ao último dia de estágio (1ª e 2ª fases). *

- Durante a 2ª fase de estágio (estrangeiro) esta bolsa será complementada com um Subsídio de estadia de permanência no exterior, calculado e revisto no início de cada edição e de acordo com o Índice de Custo de Vida da ONU publicado e que varia consoante o mercado de acolhimento. *

- Seguro de Acidentes de Trabalho durante todo o estágio, Seguro de Acidentes Pessoais e um Seguro Mundial de Saúde, durante o período de residência no estrangeiro e apenas nos países onde não existe reciprocidade de cuidados médicos.

- A viagem de ida e volta, entre Portugal e o local de estágio no estrangeiro.

*Valores sujeitos a descontos de IRS e Segurança Social.

Outras informações

Sabe mais sobre o programa aqui.

Emprego Jovem Ativo

O que é

Desenvolvimento de um projeto, em contexto de trabalho, por equipas de jovens, compostas por 2 ou 3 jovens desfavorecidos do ponto de vista das qualificações e da empregabilidade e 1 jovem com qualificação superior, com vista melhorar as respetivas condições de integração socioprofissional.

Cada projeto tem a duração de 6 meses e os jovens são acompanhados por um orientador da entidade promotora, de acordo com o plano de inserção definido.

Para quem

Podes integrar um projeto destes se tens entre 18 e 29 anos, quer ainda não tenhas concluído a escolaridade obrigatória, quer já sejas licenciado.

Terás de estar inscrito no IEFP.

Como funciona

As candidaturas são feitas pelas empresas, associações, instituições sociais ou outras entidades públicas ou privadas, com ou sem fins lucrativos.

Estas entidades podem identificar na candidatura quais os jovens que querem ver envolvidos nesses projetos.

Quais são os teus apoios

  • Bolsa mensal:
    • € 293,45 - se tiveres menos qualificações
    • € 544,98 - se tiveres uma licenciatura
  • Refeição ou subsídio de alimentação
  • Seguro de acidentes pessoais

Vantagens das entidades promotoras

  • Comparticipação pelo IEFP em 100% da bolsa mensal
  • Comparticipação nos encargos com alimentação ou subsídio de alimentação, no valor de € 4,27 / dia
  • Comparticipação no prémio do seguro, no montante de € 13,82

Candidatura

As candidaturas são efetuadas pelas entidades promotoras acima referidas aqui e podem identificar-te na candidatura, caso reúnas os requisitos.

Se a entidade empregadora com quem falares quiser saber mais, clica aqui.

Legislação

Portaria n.º 150/2014, de 30 de julho

PEPAL – Programa de estágios na administração pública local

O que é

Estágio remunerado, com duração de 12 meses, em autarquias locais, entidades intermunicipais e demais associações de municípios e de freguesias de direito público, com vista melhorar a tua transição para o mercado de trabalho.

Para quem

Podes fazer um Estágio PEPAL se tens entre 18 e 29 anos, se não estás a trabalhar e tens uma qualificação correspondente, pelo menos, ao nível 6 (licenciatura) da estrutura do Quadro Nacional de Qualificações.

Como funciona

É fixado em 1500 o número máximo de estágios na edição do Programa de Estágios Profissionais na Administração Local (PEPAL) cujo processo de pré–candidatura pelas entidades promotoras se inicia em 2014.

O lançamento dos estágios é publicitado no sítio na Internet da entidade promotora, se existir, na bolsa de emprego público (BEP) e em, pelo menos, dois órgãos de comunicação social de expansão regional ou local.

O procedimento de recrutamento e seleção dos candidatos é da responsabilidade da entidade promotora do estágio.

Quais os teus apoios

  • Bolsa mensal de estágio no valor de 691,71€ para o estagiário com qualificação de nível 6 (Consulta a Portaria n.º 256/2014, de 10 de dezembro para outros casos);
  • Subsídio de refeição de valor correspondente ao praticado para a generalidade dos trabalhadores que exercem funções públicas;
  • Seguro que cubra os riscos de eventualidades que possam ocorrer durante e por causa das atividades correspondentes ao estágio profissional, bem como nas deslocações entre a residência e o local de estágio.

Candidatura

Sabe mais aqui sobre o PEPAL, nomeadamente regulamentação e demais legislação.

Programa de Estágios Profissionais em Embaixadas e Consulados

O que é

Estágios em embaixadas, consulados e missões e representações permanentes. Além da valorização profissional dos jovens, o programa tem, ainda, como objetivo potenciar o desenvolvimento de atividades profissionais inovadoras, de novas formações e novas competências profissionais em contexto internacional.

Para quem

Jovens licenciados à procura do primeiro emprego, desempregados à procura de novo trabalho. Os jovens devem, ainda, ter até 30 anos ou até 35, no caso de serem portadores de deficiência com grau de incapacidade igual ou superior a 60%.

Como funciona

Os interessados devem registar-se no website da Bolsa de Emprego Público (BEP), aceder à página do PEPAC-MNE e preencher o formulário de candidatura.

Quais os teus apoios

Será paga aos estagiários uma bolsa mensal em função do país onde o estágio se desenvolve, no montante correspondente à tabela anexa à Portaria n.º 259/2014, de 15 de dezembro, e um subsídio de refeição, no montante praticado para a generalidade dos trabalhadores que exercem funções públicas.

Os estagiários beneficiarão de um seguro cobrindo os riscos de eventualidades que possam ocorrer e por causa das atividades correspondentes ao estágio profissional, bem como nas deslocações entre a residência e o local de estágio.

Terão direito a uma viagem de ida e volta entre Portugal e o país onde se realiza o estágio. Durante o período de estágio que decorrer em Portugal, o montante da bolsa de estágio é de 691,71 euros.

Mais informação

Visita Bolsa de Emprego Público e página do PEPAC-MNE

Legislação

Portaria n.º 41/2015, de 19 de fevereiro.
Portaria n.º 259/2015, de 15 de dezembro, retificada pela Declaração de Retificação n.º 2/2015.